LEILÃO JUDICIAL IMÓVEL EM CACHOEIRINHA

  • 1º LEILÃO: 24/06/2019 11:00

2 LOTES

LEILÃO JUDICIAL IMÓVEL EM CACHOEIRINHA

Descrição:

PRAZO DE PAGAMENTO: O pagamento deverá ocorrer de imediato pelo arrematante por depósito judicial ou eletrônico, na forma do artigo 892 do NCPC;

VENDA COM O PAGAMENTO PARCELADO: O interessado em adquirir os bens penhorados em prestações poderá apresentar, por escrito: I - até o início do primeiro leilão, proposta de aquisição do bem por valor não inferior ao da avaliação; II - até o início do segundo leilão, proposta de aquisição do bem por valor que não seja considerado vil. A proposta conterá, em qualquer hipótese, oferta de pagamento de pelo menos 25% (vinte e cinco por cento) do valor do lance à vista e o restante parcelado em até 30 (trinta) meses, garantido por caução idônea, quando se tratar de móveis, e por hipoteca do próprio bem, quando se tratar de imóveis, ressalvando que a apresentação da proposta prevista não suspende o leilão, na forma do artigo 895 do NCPC e seguintes;

ARREMATAÇÃO: A arrematação será perfectibilizada apenas após a homologação judicial.

LANCE MÍNIMO: O lance mínimo caracteriza-se apenas como uma sugestão do escritório, podendo ser alterado a critério do leiloeiro, em alusão ao texto legal.

LOTE 001 - IMÓVEL EM CACHOEIRINHA - SEDE DA SEC

(01) Um terreno urbano, com a área superficial de 1.281,70m², constituído do lote n° 74 da quadra 4, do loteamento denominado Chácara Pontaporã, na cidade de Cachoeirinha, no quarteirão formado pelas ruas, Avenida Flores da Cunha, antiga Estrada Porto Alegre – Gravataí, Vicinal Amapá, e terras que são ou foram de Francisco Martins e terras que são ou foram de Frederico Ritter, medindo 16 metros de frente a Estrada Porto Alegre – Gravataí, atualmente Avenida Flores da Cunha, tendo nos fundos a largura de 15 metros onde entesta com parte do lote 75, medindo de extensão da frente ao fundo, de um lado, 82,30 metros, divide-se com o lote n° 75, e do outro lado mede 88,60 metros divide-se com o lote n° 73 sendo os lotes confrontantes de propriedade que são ou foram da Sociedade Imobiliária Pontaporã Ltda, distando o mencionado terreno 16 metros da Vicinal Amapá, e situa-se no lado par da numeração. Tudo conforme matrícula n° 7.679, Fls. n° 01, do Livro n° 02, do Registro de Imóveis da comarca de Gravataí/RS. Conforme Sr. Oficial de justiça, sobre o terreno há uma construção de alvenaria onde funciona a sede da reclamada, inclusive com espaço alugado a restaurante, churrascaria ponto da carne, além de salões de dança e ginástica e demais dependências. AVALIAÇÃO DO BEM: R$ 2.300.000,00 (dois milhões e trezentos mil reais) LANCE MÍNIMO: Para fins de arrematação o lance mínimo deverá ser igual ou superior a 50% (cinqüenta por cento) do valor de avaliação, na forma do artigo 891 parágrafo único do NCPC. Ressalvando que as despesas do leilão ficam sob a responsabilidade do arrematante conf. § 2º do art. 23 da lei 6830/80 ÔNUS: A venda será livre de ônus, na forma do artigo 130, parágrafo único, do CTN, ressalvando que os débitos de natureza condominiais ficam ao encargo do arrematante, caso houverem.

LANCE INICIAL VISITAS LANCES

R$1.150.000,00

118

0

LOTE 002 - IMÓVEL EM CACHOEIRINHA - PARQUE BRASÍLIA

(01) Um terreno urbano, constituído pelo lote n° 19 da quadra H, do loteamento denominado “Parque Brasília”, situado nesta cidade, dentro do quarteirão formado pelas seguintes vias públicas: Rua Osório Correa, Rua Trinta de Outubro, Terras de Carlos Antônio Wilkens e Rua Flávio Jardim, lado par da numeração, distando 80,00m da esquina formada com a Rua Flávio Jardim, com a área superficial de 300,00m², medindo 10,00m de frente á Rua Osório Correa, tendo nos fundos, a mesma largura da 10,00m entesta com terras que são ou foram de Carlos Antonio Wilkens dividindo-se por um lado na extensão de 30,00m da frente aos fundos com o lote 18, e, pelo outro lado da frente aos fundos, na mesma extensão de 30,00m, com o lote 20. Tudo conforme matrícula n° 57.503, Fls. n° 01, do Livro n° 02, do Registro de Imóveis da comarca de Cachoeirinha/RS. Avaliado em R$ 180.000,00; Sobre o imóvel foi edificada uma casa mista, com aproximadamente 42,00m². Avaliada em R$ 22.000,00. TOTALIZANDO EM: R$ 202.000,00 (duzentos e dois mil reais) LANCE MÍNIMO: Para fins de arrematação o lance mínimo deverá ser igual ou superior a 50% (cinqüenta por cento) do valor de avaliação, na forma do artigo 891 parágrafo único do NCPC. ÔNUS: A venda será livre de ônus, na forma do artigo 130, parágrafo único, do CTN, ressalvando que os débitos de natureza condominiais ficam ao encargo do arrematante, caso houverem.

LANCE INICIAL VISITAS LANCES

R$101.000,00

165

0

Documentos

Local

ÁTRIO DO FORO, RUA MANATÁ, Nº 690, CACHOEIRINHA/RS

Social

  • Compartilhar
  • Desenvolvido por Artistic Web

  • leilaopro